Temas polêmicos da desapropriação municipal

Polemic Themes in municipal seizure or forfeiture of property

Autores

DOI:

https://doi.org/10.48143/rdai/04.rmm

Palavras-chave:

Direito de propriedade, Função social da propriedade urbana, Desapropriação-sanção, desapropriação de bens públicos, Coeficiente de aproveitamento

Resumo

O estudo tem por objeto os temas polêmicos da desapropriação municipal, mais precisamente, a desapropriação-sanção por descumprimento da função social da propriedade urbana e a possibilidade de desapropriação municipal de bens estaduais ou federais. Para enfrentá-los, examinam-se, à luz da Constituição Federal, o direito fundamental de propriedade e o dever de atendimento da função social. O Município tem o dever de fixar no Plano Diretor o coeficiente de aproveitamento mínimo, para, a partir dele, definir quando se dá o cumprimento da função social da propriedade urbana. Desrespeitado esse coeficiente mínimo, deve ordenar o parcelamento ou a edificação, elevar a alíquota do IPTU e, se subsistir o descumprimento, desapropriar o bem com pagamento em títulos da dívida pública resgatáveis em até dez anos. Após examinar o regime jurídico dessa desapropriação, defende-se a inconstitucionalidade do art. 2º, § 2º, do Decreto-lei 3.365/41 e, pois, a possiblidade de desapropriação municipal de bens estaduais e federais. Examina-se, então, o regime jurídico dessa desapropriação.

Biografia do Autor

Ricardo Marcondes Martins, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (São Paulo, São Paulo, Brasil)

Doutor em Direito Administrativo pela PUC-SP. Professor de Direito Administrativo da Faculdade de Direito da PUC-SP. ricmarconde@uol.com.br

Referências

ALEXY, Robert. Teoria dos direitos fundamentais. Trad. Virgílio Afonso da Silva. São Paulo: Malheiros, 2008.

ANDRADE, Letícia Queiroz de. Desapropriação de bens públicosà luz do princípio federativo. São Paulo: Malheiros, 2006.

ARRUDA ALVIM NETTO, José Manoel de. Comentários ao Código Civil Brasileiro. Rio de Janeiro: Forense, 2009. v. XI. t. I: livro introdutório ao direito das coisas e o direito civil.

BANDEIRA DE MELLO, Celso Antônio. Desapropriação de bem público. Revista de direito público, São Paulo, ano VII, n. 29, p. 47-60, maio-jun. 1974.

BANDEIRA DE MELLO, Celso Antônio. Natureza jurídica do zoneamento: efeitos. Revista de Direito Público (RDP), São Paulo, ano XV, n. 61, p. 34-47, jan.-mar. 1982.

BANDEIRA DE MELLO, Celso Antônio. Novos aspectos da função social da propriedade no direito público. Revista de Direito Público, São Paulo, n. 84, ano XX, p. 39-45, out.-dez. 1987.

BANDEIRA DE MELLO, Celso Antônio. Curso de direito administrativo. 33. ed. São Paulo: Malheiros, 2016.

BERNAL PULIDO, Carlos. El principio de proporcionalidad y los derechos fundamentales. 3. ed. Madrid: Centro de Estudios Políticos y Constitucionales, 2007.

BEZNOS, Clovis. Desapropriação em nome da política urbana. In: DALLARI, Adilson Abreu; FERRAZ, Sergio. Estatuto da cidade: comentários à Lei Federal 10.257/2001. São Paulo: Malheiros, 2002.

BEZNOS, Clovis. Aspectos jurídicos da indenização na desapropriação. Belo Horizonte: Fórum, 2006.

CARRAZZA, Roque Antonio. Curso de direito constitucional tributário. 18. ed. São Paulo: Malheiros, 2002.

CARVALHO FILHO, José dos Santos. Comentários ao Estatuto da Cidade. 3. ed. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2009.

CARVALHO, Paulo de Barros. Curso de direito tributário. 14. ed. São Paulo: Saraiva, 2002.

CASTILHO, José Roberto Fernandes. Disciplina urbanística da propriedade: o lote e seu destino. 3. ed. São Paulo: Pillares, 2010.

CLÉRICO, Laura. El examen de proporcionalidad en el derecho constitucional. Buenos Aires: Eudeba, 2009.

COSTA, Regina Helena. Instrumentos tributários para a implementação da política urbana. In: DALLARI, Adilson Abreu; FERRAZ, Sergio. Estatuto da cidade: comentários à Lei Federal 10.257/2001. São Paulo: Malheiros, 2002.

DAL POZZO, Augusto Neves. José Roberto Pimenta Oliveira; BERTOCCELLI, R. P. Tratado sobre o Marco Regulatório do Saneamento Básico no Direito Brasileiro. São Paulo: Contracorrente, 2017, v.1. p.1034.

DAL POZZO, Augusto Neves. DAL POZZO, Antonio Araldo Ferraz; FACCHINATTO, Renan Marcondes;DAL POZZO, B. N. D. Lei Anticorrupção-Apontamentos sobre a Lei nº 12.846/2013. São Paulo: Contracorrente, 2014, v.1. p.240.

DAL POZZO, Augusto Neves. VALIM, R.; AURELIO, B.; FREIRE, A. L. Parcerias Público-Privadas-Teoria geral e aplicação nos setores de infraestrutura. Belo Horizonte: Fórum, 2014, v.1. p.518.

DAL POZZO, Augusto Neves. CAMMAROSANO, M.; VALIM, R. Regime Diferenciado de Contratações Públicas-RDC (Lei nº 12.462/2011; Decreto nº 7.581/201) Aspectos Fundamentais. Belo Horizonte: Fórum, 2011, v.1. p.275.

DAL POZZO, Augusto Neves. VALIM, R. R. A.; PIMENTA, J. R. Tratado sobre o Princípio da Segurança Jurídica no Direito Administrativo. Belo Horizonte: Fórum, 2013, v.1. p.819.

DAL POZZO, Augusto Neves. PIMENTA, J. R. Estudos sobre o Marco Regulatório de Saneamento Básico no Brasil. Belo Horizonte: Fórum, 2011, v.1. p.400.

DAL POZZO, Augusto Neves. Aspectos Jurídicos da Permissão de Uso de Bem Público destinado à Comercialização de Alimentos. REVISTA BRASILERIA DE INFRAESTRUTURA-RBINF, v.10, p.187-206, 2016.

DAL POZZO, Augusto Neves. Breves considerações sobre o ato discricionário no regime jurídico-administrativo brasileiro. REVISTA BRASILERIA DE INFRAESTRUTURA-RBINF, v.09, p.173-190, 2016.

DAL POZZO, Augusto Neves. Panorama acerca da atividade desenvolvida pelos Tribunais de Contas e o exercício da função administrativa. Revista Internacional de Direito Público-RIDP, v.01, p.185-214, 2015.

DAL POZZO, Augusto Neves. Panorama acerca da atividade desenvolvida pelos tribunais de contas e o exercício da função administrativa. Revista Eletrônica da Faculdade de Direito da PUC-SP, v.3, p.32-59, 2015.

DAL POZZO, Augusto Neves. Panorama acerca da atividade desenvolvida pelos tribunais de contas e o exercício da função administrativa. Revista Eletrônica da Faculdade de Direito da PUC-SP, v.3, p.32-59, 2015.

DAL POZZO, Augusto Neves. PARLATORE, A. C. Método de planejamento econômico-financeiro em projetos de infraestrutura. REVISTA BRASILERIA DE INFRAESTRUTURA-RBINF, v.01, p.193-205, 2014.

DAL POZZO, Augusto Neves. Procedimento de Manifestação de Interesse e o planejamento estatal de infraestrutura. Fórum de Contratação e Gestão Pública (Impresso), v.13, p.23-33, 2014.

DAL POZZO, Augusto Neves. FACCHINATTO, Renan Marcondes. Modificações nos regimes jurídicos das parceiras Público-Privadas e do setor educacional-Fomento aos investimentos e redução de riscos para a Iniciativa Privada. Revista Brasileira de Infraestrutura RBInf, v.04, p.259-274, 2013.

DAL POZZO, Augusto Neves. Concessão de serviço público. Diferenças entre o regime da Lei n° 8.666/93 e o da Lei n° 8.987/95. Possibilidade de superação dos limites estabelecidos no § 1° do art. 65 da Lei n° 8.666/93 nos contratos de concessão de serviços públicos. REVISTA BRASILERIA DE INFRAESTRUTURA-RBINF, v.01, p.279-294, 2012.

DI PIETRO, Maria Sylvia Zanella. Servidão administrativa. São Paulo: Revista dos Tribunais, 1978.

DI PIETRO, Maria Sylvia Zanella. Direito administrativo. 25. ed. São Paulo: Atlas, 2012.

DI PIETRO, Maria Sylvia Zanella. Introdução: do direito privado na Administração Pública. In: DI PIETRO, Maria Sylvia Zanella (Org.). Direito privado administrativo. São Paulo: Atlas, 2013.

DUGUIT, Leon. Las transformaciones generales del derecho privado desde el Código de Napoleón. Trad. Carlos G. Posada. 2. ed. Madrid: Francisco Beltran, [191-].

FERRARI, Celson. Dicionário de urbanismo. São Paulo: Disal, 2004.

FERRAZ, Sergio. Desapropriação de bens públicos. In: FERRAZ, Sergio. Três estudos de direito. São Paulo: Revista dos Tribunais, 1977.

FURLAN, Valéria. IPTU. 2. ed. 2. tir. São Paulo: Malheiros, 2010.

GASPARINI, Diogenes. O Estatuto da Cidade. São Paulo: NDJ, 2002.

MARQUES, Benedito Ferreira. Direito agrário brasileiro. 8. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

MARTÍN BLANCO, José S. La compensación urbanística. Madrid: Instituto de Estudios de Administración Local, 1985.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Efeitos dos vícios do ato administrativo. São Paulo: Malheiros, 2008.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Abuso de direito e a constitucionalização do direito privado. São Paulo: Malheiros, 2010.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Regulação administrativa à luz da Constituição Federal (LGL19883). São Paulo: Malheiros, 2011.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Teoria jurídica da liberdade. São Paulo: Contracorrente, 2015.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Estudos de direito administrativo neoconstitucional. São Paulo: Malheiros, 2015.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Quais os limites para o uso de concursos públicos como instrumento de ações afirmativas?. Revista Zênite-Informativo de Regime de Pessoal (IRP), v.203, p.1-18, 2018.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Reserva de vagas em concursos públicos. SLC-Solução em Licitações e Contratos, v.9, p.145-164, 2018.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Restrições constitucionais à convalidação legislativa de atos administrativos. REVISTA INTERNACIONAL DE DIREITO PÚBLICO, v.4, p.09-33, 2018.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Temas polêmicos da desapropriação municipal. Revista de Direito Administrativo e Infraestrutura, v.4, p.135-168, 2018.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Teoria dos princípios e função jurisdicional. REVISTA DE INVESTIGAÇÕES CONSTITUCIONAIS, v.5, p.135-164, 2018. http://dx.doi.org/10.5380/rinc.v5i2.56183

MARTINS, Ricardo Marcondes. Teoria geral da interpretação constitucional: considerações críticas à obra de Black II. Revista de Direito Administrativo e Infraestrutura (RDAI), v.5, p.333-356, 2018.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Contratação de advogados por pessoas jurídicas de direito público. Revista de Direito Administrativo e Infraestrutura-RDAI, v.1, p.113-130, 2017.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Neoconstitucionalismo: perscrutação sobre a pertinência do prefixo. REVISTA INTERNACIONAL DE DIREITO PÚBLICO, v.3, p.9-37, 2017.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Proporcionalidade e boa administração. REVISTA INTERNACIONAL DE DIREITO PÚBLICO, v.02, p.09-35, 2017.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Quais os limites para o uso de concursos públicos como instrumento de ações afirmativas?. Revista de Direito Administrativo e Infraestrutura, v.2, p.335-367, 2017.

MARTINS, Ricardo Marcondes. Racionalidade e sistema normativo: na teoria pura e na teoria pragmática do direito. REVISTA BRASILERIA DE INFRAESTRUTURA-RBINF, v.11, p.11-57, 2017.

MEIRELLES, Hely Lopes. Direito de construir. 9. ed. São Paulo: Malheiros, 2005.

MEIRELLES TEIXEIRA, José Horácio. Curso de direito constitucional. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1991.

MENDES, Gilmar Ferreira. Âmbito de proteção de direitos fundamentais e as possíveis limitações. In: MENDES, Gilmar Ferreira; COELHO, Inocêncio Mártires; BRANCO, Paulo Gustavo Gonet. Hermenêutica constitucional e direitos fundamentais. 1. ed., 2. tir. Brasília: Brasília Jurídica, 2002.

OPITZ, Silvia C. B.; OPITZ, Oswaldo. Curso completo de direito agrário. 4. ed. São Paulo: Saraiva, 2010.

ROCHA, Ibraim et al. Manual de direito agrário constitucional. Belo Horizonte: Fórum, 2010.

SANTI ROMANO. Frammenti di un dizionario giuridico. Milano: Giuffrè, 1947.

SCHWABE, Jürgen. Cinquenta anos de jurisprudência do Tribunal Constitucional Federal Alemão. Trad. Beatriz Henning et al. Montevideo: Fundación Konrad-Adenauer-Stiftung, 2005.

SEABRA FAGUNDES, Miguel. Da desapropriação no direito brasileiro. Rio de Janeiro: Freitas Bastos, 1949.

SILVA, José Afonso da. Curso de direito constitucional positivo. 11. ed. São Paulo: Malheiros, 1996.

SILVA, José Afonso da. Comentário contextual à Constituição. São Paulo: Malheiros, 2005.

SILVA, José Afonso da. Curso de direito urbanístico. 6. ed. São Paulo: Malheiros, 2010.

SILVA, Virgílio Afonso da. Direitos fundamentais: conteúdo essencial, restrições e eficácia. São Paulo: Malheiros, 2009.

SUNDFELD, Carlos Ari. Função social da propriedade. In: DALLARI, Adilson Abreu; FIGUEIREDO, Lúcia Valle (Coord.). Temas de direito urbanístico. São Paulo: Revista dos Tribunais, 1987.

SUNDFELD, Carlos Ari. Desapropriação. São Paulo: Revista dos Tribunais, 1990.

SUNDFELD, Carlos Ari. Direito administrativo ordenador. 1. ed., 2. tir. São Paulo: Malheiros, 1997.

TEPEDIO, Gustavo. Comentários ao Código Civil. São Paulo: Saraiva, 2011. v. 14: direito das coisas (arts. 1.196 a 1.276).

Downloads

Publicado

2018-03-15

Como Citar

MARTINS, R. M. Temas polêmicos da desapropriação municipal: Polemic Themes in municipal seizure or forfeiture of property. Revista de Direito Administrativo e Infraestrutura - RDAI, São Paulo: Thomson Reuters - Livraria RT, v. 2, n. 4, p. 135–168, 2018. DOI: 10.48143/rdai/04.rmm. Disponível em: https://rdai.com.br/index.php/rdai/article/view/67. Acesso em: 25 jan. 2022.

Edição

Seção

Artigos | Articles

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 > >>